Resenha : A menina que roubava livros

Heey...!

 Fazia muito tempo que eu não colocava uma nova resenha né??
 Pois é,mas a espera acabou já que hoje trouxe uma resenha novinha em folha da minha ultima leitura...A menina que roubava livros!!





 O livro se passa no começo da Segunda Guerra Mundial e conta a historia de Liesel Meminger,menina que fora arrancada da mãe e que teve seu primeiro encontro coma morte muito cedo graças a morte do irmão em um trem.
  Ela foi adotada por um casal que viviam em Molking,mais precisamente na rua Himmel e,durante toda sua vida,buscou nos livros que roubava um refugio para as tristezas e um atalho para saciar sua enorme paixão por palavras,que,com os anos,tornou-se cada vez maior.
  Com o alastrar da guerra,seu encontro com a morte vai se tornando cada vez mais próximo,não só para ela,mas também para todos na rua Himmel.



Minha Critica:

 Achei que ele é um livro lindo,que tem uma historia emocionante e ao mesmo tempo verdadeira,na qual Liesel é mais uma vitima do cruel destino.Pois,primeiro ela é tirada da mãe pelo simples fato dela ser comunista,ai,no meio disso seu irmão morre por falta de comida,banho e essas coisas,o que eu achei mais que horrível já que eles iriam ser adotados por uma família que deveria receber os dois com o minimo de cuidados,não mortos de fome e imundos!

" Quando a morte conta uma historia,você deve parar para ouvi-la"

 A narração é feita pela morte,o que da ao livro um ponto de vista de alguém diferente do comum,o que é mais um ponto forte do livro.
 Não sei ao certo o que Liesel tinha de especial para atrair a morte de tal maneira,fazendo-a narrar sua historia por completo,mas acho que era porque,nos momentos menos esperados,toda a felicidade viva ao redor dela escapa por entre seus dedos e vai parar nas frias mãos da morte ,o que faz com que elas tenham algo em comum.

"-Eu aposto um beijo que ganho de você na corrida"

 Ah Rudy,aquele menininho de cabelo cor de limão vai ficar para sempre na minha memoria,pois,alem de melhor amigo da Liesel,ele ainda alimentava uma paixão secreta por ela,o que ativa meu senso de romance e faz com que eu me lembre dele mais ainda.
 no inicio,ele foi o único que ficou com ela,acompanhou quando ela queria fugir,guardou o segredo de que sua família estava escondendo um judeu.....Enfim,foi um ótimo amigo.
O filme saiu no comecinho do ano e também é muito bom,mas eu aconselho mil vezes a ler o livro...

Trailer do filme:



  

Bem gente,essa foi minha resenha,espero que tenham gostado...

"Eu amei as palavras,e também as odiei,e espero te-las usado direito"

Beijinhos

Comentários

  1. oi linda, adorei seu blog, e esse livro e fantastico...
    beijos!
    seguindo
    diariosdelindyofficial.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. também acho ele extremamente fantástico <3
      Vou visitar

      Excluir

Postar um comentário

Obrigado pela visita e comentário <3 Deixe seu blog para eu retribuir tudo =D
Se você gostou recomende esse post e compartilhe com os amigos
Aceito críticas desde que sejam construtivas ;)

Postagens mais visitadas deste blog

App : Meu Tom Falante

Inspiração:Fantasias improvisadas

Tiara de Deusa Grega

Top 10 : Personagens literários que não mereciam morrer

Transformando bota cano alto em cano médio